Miopia corporativa

0
41

Comecei a usar óculos aos 13 anos. Me lembro de franzir a testa na escola, com certa dificuldade em enxergar o que a professora escrevia. Miopia! Foi o diagnóstico do oftalmologista. Um distúrbio que dificulta ver objetos mais distantes com nitidez. Comecei usando óculos de baixo grau e, com o passar do tempo, me tornei completamente dependente do acessório…

Como é difícil enxergar de longe! No meu caso, praticamente impossível. Mas qual a relação dessa história com o mercado corporativo e o mundo dos negócios? Infelizmente, muitas empresas também são míopes. A cultura é míope, os líderes são míopes e, por consequência, os colaboradores acabam se tornando incapazes de enxergar de longe…

Vivemos em um mundo onde tudo muda muito rápido. A velocidade da informação, da tecnologia, é brutal! Isso significa que precisamos urgentemente nos adaptar a tamanha volatilidade. Enxergar longe é uma competência fundamental nos tempos atuais. Não há mais espaço para a miopia empresarial. Gestores míopes formam equipes medíocres, sem perspectiva, despreparadas mas que necessitam enxergar com nitidez as exigências do futuro. A boa notícia é que há como corrigir esse distúrbio com conhecimento, capacitação e inovação, que representam, as hastes, armação e lentes desse óculos.

Nossos parceiros Arthur Igreja, Alexandre Pellaes, Pedro Waengertner, Martha Gabriel são alguns profissionais que nos trazem esse tipo de reflexão em suas palestras. Quais habilidades e competências necessárias para inovarmos em nossas carreiras? Como nos preparar para o futuro, antecipando as tendências e exercendo nossa trajetória profissional de maneira assertiva?

O papel da Palestrarte é te ajudar a enxergar longe! E nossos palestrantes podem contribuir para que você e sua equipe vejam tudo com clareza, transparência e preparados para esse novo mundo.

Um caminho sem volta mas cheio de oportunidades para quem enxerga ou quer enxergar além!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui